Rua Padre Marchetti, 596 - Ipiranga, São Paulo - SP

(11) 2063-3955

provinciadobrasil@oblatos.com.br

JUPIC › 08/02/2021

Folhetim – 08 de fevereiro 2021

OBLATOS DE MARIA IMACULADA
MINISTÉRIO DA JUSTIÇA, PAZ E INTEGRIDADE DA CRIAÇÃO

“O Brasil é um imenso hospital” – Miguel Pereira – médico – outubro/1916

OPERAÇÃO LAVA-JATO

Teve início em março de 2014 em Curitiba e foi na semana passada declarada encerrada naquela cidade. Seguem os resultados:
*Denúncias apresentadas: 130 / Denunciados: 553 | Ações penais: 179 | Condenados: 174
*Acordos de colaboração: 209 | Acordos de leniência: 17 | Ações de improbidade: 35
*Prisões temporárias e preventivas: 295 | Total de operações: 79 | Busca e apreensões: 1.450
*Valor ressarcido: R$ 4,3 bilhões | Pedidos de cooperação com outros países: 352
Nota: A Lava-Jato continua no Rio de Janeiro e São Paulo

OPERAÇÃO “CÂMARA-SENADO”

O Legislativo tem nova direção. A troca na presidência da Câmara e Senado custou caro. Em meados de dezembro o Ministério do Desenvolvimento Regional liberou R$ 3 bilhões para 250 deputados e 35 senadores destinarem
a obras em seus redutos eleitorais. No mês passado o governo destinou outros R$ 504 milhões em emendas parlamentares para deputados e senadores.

OPERAÇÃO CUBA

A “Western Union” (empresa de correios) fechou por lá; ela era o canal formal para envio de remessas e mercadorias por quase 20 anos. Os viajantes cubanos de Miami são conhecidos pela grande quantidade de malas que trazem. Ao redor de 3,5 bilhões de dólares anuais é a estimativa do valor de remessas feitas por cubanos. É a segunda maior
fonte de divisas do país, depois da venda de serviços médicos e à frente do turismo. São 12 voos diários entre os dois países. A vitória de Joe Biden na eleição americana aumentou a expectativa entre os cubanos. Eles esperam que Biden cancele boa parte das restrições que Trump acrescentou ao embarque.

OPERAÇÃO “TRAGÉDIA ANUNCIADA”

Professor na Universidade Federal da Bahia, Wilson Gomes, lançou o livro “Crônica de uma Tragédia Anunciada” em meados de dezembro. É uma tentativa de explicação do antipetismo e do avanço da direita radical. Coordenador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Democracia Digital, ele pesquisa comunicação política e democracia digital há mais de 20 anos; e desde 2010, acompanha a atuação em redes sociais online de grupos antipetista. Ele afirma que o bolsonarismo existia no país antes mesmo de Jair Bolsonaro. A parte mais radical da direita brasileira já se organizava em redes sociais online muito antes de Bolsonaro assumir a presidência. Para ele a direita conservadora chegou ao centro do poder, em 2018, a partir de uma conjunção de fatores, que incluem o avanço do antipetismo, do lavajatismo, dos estratagemas da direita tradicional e dos erros do próprio Partido dos Trabalhadores. Três fatos estão ligados ao PT: o acúmulo de escândalos de corrupção, os protestos de junho de 2013 que deram vazão ao sentimento de desgosto com o governo e a vitória de Dilma Rousseff em 2014, e a frustração de uma parcela da população. Os passos seguintes se consolidaram com a aposta na ruptura com o impeachment de Dilma, a ascensão da Operação Lava-Jato, que ajudou a estabelecer um sentimento de antipolítica, e a vitória de Donald Trump nos Estados Unidos, que deu espaço para a construção de um candidato de perfil semelhante no Brasil.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.