Rua Padre Marchetti, 596 - Ipiranga, São Paulo - SP

(11) 2063-3955

provinciadobrasil@oblatos.com.br

Notícias dos Oblatos › 14/09/2017

Introdução à Experiência de Mazenod

Iniciamos o dia com a oração das Laudes, na capela onde os primeiros oblatos professaram seus votos religiosos, em seguida tomamos o café da manhã. Às 09h, demos início aos trabalhos com apresentação dos oblatos que formam a comunidade de Aix Provença, depois os participantes da experiência se apresentaram dizendo o nome e a província de Origem.

 O Pe. Chicho, OMI, fez uma breve fala ressaltando que a Experiência de Aix Provence é como um momento de integração, e esse é o nosso momento. Com base nas Constituições e Regras, enfatizou-se a nossa responsabilidade. “Cada Oblato pela sua oblação assume a responsabilidade pela herança comum da congregação, expressa nas Constituições e Regras e na nossa tradição de família. Ele é instado a se deixar guiar por estas normas em fidelidade criativa ao legado transmitido por Santo Eugênio de Mazenod C.168”.  Agora estamos em Aix e devemos cumprir nossa missão, pois Aix é nossa comunidade, terra santa e temos que viver com imensa alegria.

 O Pe. Asodo, OMI, fez a introdução partindo da C. 68, “Deus está sempre presente no mundo; sua palavra doadora de vida, procura transformar a humanidade e a construir o seu povo. Somos instrumentos daquela palavra. Temos de ser, portanto, abertos e flexíveis, aprendendo como responder melhor as novas necessidades, como encontrar respostas a novas questões, discernindo continuamente o movimento do Espirito que renova a face da terra (Cf. Sl104,30)”. Ainda vemos e temos certeza que Deus continua atuando em nossa história (…). Depois de ler o texto das nossas constituições e Regras Pe. Asodo, OMI, nos questionou com a seguinte indagação: Quais são as duas palavras que mais nos tocam do texto? Houve uma boa participação da turma em responder o questionamento.

Sabemos que Deus encontra maneiras diferentes de nos transformar, para construirmos a comunidade e sermos instrumento da palavra.  Não só com a palavra, mas sobretudo, com nossa vida. Que possamos nesses dias estarmos abertos e flexíveis. Oblatos em formação, temos muitas maneiras de pensar, alguns podem pensar que para o ministério não precisa estudar, mas existem três lugares onde podemos conhecer a vida oblata:

  • Escola de Teologia

  • Roma

  • Aix Provence

A experiência em Aix Provence não é um curso de estudos, mas como o próprio nome diz é uma experiência, não só com a cabeça, mas também com o coração. Pois aqui, é falar e partilhar a própria vida de nossa história oblata. Vamos ver nossa história pessoal, e é um privilégio escutamos a história de cada oblato. Já que somos todos oblatos, mas vivermos de maneira particular. Assim, quando todos nós partilhamos enriquecemos na vida oblata. Vamos estar aqui com os cincos sentidos, para que as palavras entrem pelos ouvidos e cheguem até o nosso coração. De fato, vamos ver, ouvir, saborear, sentir e tocar. “A experiência permanecerá no coração, formação para toda a vida no mundo de hoje”, como afirma o 36º capitulo de 2016. A Formação contínua tem diferentes etapas. A Administração geral orienta para fazer se aqui. E estar aqui já significa algo, significa estar de coração. A experiência de Mazenod é um programa de renovação, cujo objetivo, é permitir aos participantes contemplar sua experiência do carisma Oblato na vida missionaria cotidiana. Objetivos principais:

  •  Formação contínua
  • Renovação pessoal na vocação oblata

  • Reflexão da experiência vivida do carisma

  • Aprofundamento do carisma oblato

  • Conhecer um pouco mais do fundador

  • Conversão pessoal

A experiência se desenvolve em clima de oração, reflexão e partilha fraterna. Um dos pilares dessa experiência é a peregrinação aos lugares significativos de Aix Provence, visitar aos primeiros lugares onde iniciaram a missão. Outro ponto fundamental são as semanas de retiro em silêncio. O programa é composto de seis fases.

1ª fase: Integração: oração comunitária, visita em Aix,

2ª fase: Carisma oblato, reflexão minha experiência pessoal do carisma

3ª fase: história do fundador, da congregação e apresentação de cada unidade oblata.

4ª fase: Retiro

5ª fase: ver a Missão da Congregação hoje

6ª fase: Reintegração e avaliação pessoal

À tarde, a Experiência de Mazenod foi um passeio pelo centro histórico. Nos reunimos às 15h30 em frente à Igreja da Missão e saímos com o grupo que está em Aix Provence para conhecer um pouco do centro histórico da cidade.  Iniciamos a caminhada pela Avenida Cours Mirabeau, considerada uma das mais bonitas do mundo, passear por ela é um dos pontos imperdíveis de Aix-en-Provence. Logo de vista percebe que a Cours Mirabeau parece um imenso calçadão, tanto que às vezes é preciso ter o cuidado para não ir parar no meio da rua, onde circulam carros. Em cada esquina, esta a marca da religiosidade da cidade, no alto dos casarões se encontra imagens da virgem como a guardiã, que protege a cidade e seus habitantes.

Nessa avenida famosa estão o comércio, bancos e do outro lado, muitos restaurantes, obviamente os mais caros e não necessariamente com boa relação custo-benefício. De qualquer forma, o ambiente é muito gostoso para sentar e ficar de olho no movimento.  Outro destaque de Aix são as fontes de águas: a Fonte do Rei René, a Fonte de Água Quente e a Fonte dos 9 Canhões. Não é à toa que a cidade se chama “Águas na Provença” (Aix-en-Provence). Para completar o cenário, grandes árvores de plátano fazem sombras sobre a avenida. Deixamos a avenida e pegamos uma rua muito estreita típica quase labiríntica, como as demais ruas do centro histórico de Aix. Elas foram construídas assim, para proteger as pessoas dos ventos fortes de Aix. Retornamos para cours Mirabeau e no final dessa Avenida deparamos com a Place de la Rotonde, uma larga rotatória com uma linda fonte no centro. Essa Fonte da Rotonda é linda, mas fica no meio de uma rotatória cheia de carros, assim torna o lugar um pouco inacessível para aproximação. Ali mesmo tem uma estátua de Cezanne e o também centro de informações turísticas.

Seguindo no roteiro, passamos pelo Teatro onde tem exposta na frente, toda a programação que acontece durante o ano. Depois seguimos pelas ruas estreitas do centro e passamos pela Igreja do Espírito Santo que foi construída no século XVIII no local um hospital para crianças abandonadas.  Nesta Igreja, tem uma presença de jovens bastante marcante que frequentam as Missas.  Também passamos na placa onde esta o Correio e a sede do governo e terminamos nosso passeio na Avenida Cours de Mirabeau. Por fim, podemos dizer que Aix Provence é uma cidade com uma presença jovem significante, em função lógica da universidade. Por isso, se pode encontrar vários estudantes caminhando pelas ruas da cidade, tornando-a assim bela e alegre. Caríssimos irmão(as), aqui é um resumo da experiência do primeiro dia em Aix Provence. Por causa do fuso horário tenho dificuldade para dormir a noite, e  durante o dia sinto muito cansaço.

Pe. José de Paulo Viana, OMI

Vigário Paroquial da Paróquia Sto Eugênio de Mazenod – Diocese de Campo Limpo

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.